segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Projeto Key For Schools

PROJETO KEY FOR SCHOOLS 
INFORMAÇÃO AOS DIRETORES DE TURMA, AOS ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO E AOS ALUNOS 

1. KEY FOR SCHOOLS – O PROJETO 
O projeto Key For Schools PORTUGAL, criado pelo Despacho n.º 11838-A/2013, de 11 de setembro, consiste na aplicação de um teste anual de Língua Inglesa, concebido pela Universidade de Cambridge, e disponibilizado pelo Ministério da Educação e Ciência – MEC. A aplicação do teste fica a cargo das escolas e dos seus docentes.

2. DESTINATÁRIOS 
O teste Key For Schools será aplicado, com carácter obrigatório, aos alunos que frequentam o 9.º ano de escolaridade (automaticamente inscritos pela escola), à exceção dos alunos que frequentam os CEF. Pode ainda ser realizado, opcionalmente, por alunos com idades compreendidas entre os 11 e os 17 anos, a frequentar outros níveis de escolaridade (6º; 7º; 8º; 10; 11º; 12º), solicitando para o efeito o respectivo certificado, dentro dos prazos estipulados (20 de Janeiro a 7 de Fevereiro). Os alunos que, por qualquer motivo, não compareçam ao teste, não dispõem de mais nenhuma oportunidade de o realizar.

3. CERTIFICAÇÃO
A realização do teste Key For Schools confere um Certificado Internacional de Inglês, correspondente a um nível de proficiência (de A1 a B1, no primeiro ano) previsto no Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas. Os alunos do 9º ano (ou equivalente) que queiram obter o certificado atrás mencionado, devem inscrever-se e pagar 25€ (vinte e cinco euros). Os alunos com escalão B do ASE pagam apenas 50% dessa quantia. Os alunos com escalão A do ASE estão isentos de pagamento. Todos os outros alunos procederão ao pagamento de 25€, não havendo lugar a qualquer benefício. A inscrição é realizada pelos próprios, no site do Gabinete de Avaliação Educacional – GAVE do MEC, de 20 de Janeiro a 7 de Fevereiro 2014.

4. MATRIZ DO TESTE
O teste é composto por 3 partes: - Reading and Writing (Teste de compreensão e expressão escrita); - Listening (Teste de compreensão do oral); - Speaking (Teste de expressão oral). A escala da avaliação é de 0 (zero) a 100 (cem), sendo atribuída a percentagem de 25% a cada competência (Reading – 25%, Writing – 25%; Listening – 25%; Speaking -25%). A ponderação a atribuir ao teste Key For Schools na avaliação final da disciplina de Inglês do aluno do 9º ano de escolaridade fica ao critério das escolas.

5. CALENDARIZAÇÃO 
Os testes respeitantes à avaliação das competências de Reading, Writing e Listening serão previsivelmente realizados no final do mês de abril 2014, em data ainda não confirmada. O teste de avaliação da competência de expressão oral (Speaking) realizar-se-á entre os dias 10 de Março e 16 de Maio de 2014.

6. DIVULGAÇÃO DO TESTE KEY FOR SCHOOLS 
- A partir de janeiro o projeto Key For Schools terá um site próprio, gerido pelo Ministério da Educação e Ciência;
- Serão elaborados folhetos e posters de divulgação do projeto; - Será disponibilizado um manual de procedimentos;
- O site da Universidade de Cambridge tem materiais de apoio ao dispor de professores e alunos;
- O gestor do projeto, os diretores de turma e os professores de Inglês divulgarão e prestarão esclarecimentos sobre o projeto aos Encarregados de Educação e aos alunos.

7. INFORMAÇÕES ADICIONAIS 
- O número de alunos que frequenta o 9º ano de escolaridade determinará a realização da prova na própria escola ou noutro estabelecimento de ensino;
- Cada escola receberá os resultados das provas por ano de escolaridade e por aluno;
- O processo de inscrição dos alunos para obtenção do certificado Key for Schools iniciar-se-á previsivelmente a 1 de fevereiro e será efetuada em plataforma electrónica específica para o efeito, a disponibilizar brevemente;
- Na sequência da inscrição para obtenção do certificado será gerada uma referência multibanco, para pagamento a efetuar em caixas multibanco ou através dos serviços de homebanking, pelo que qualquer pagamento efetuado por outra via não tem qualquer validade.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.